Terça-feira, 6 de Março de 2007

Para a minha mãe

Não é dia das mães... hoje é, simplesmente, o dia da minha Mãe! Faz aninhos, uns 25 anos, só para não dizer que está a ficar velhinha... todos ficamos um dia..

Este poemazito é dedicado a ela, a minha maezinha... ah, de tantas flores que recebeu.. já não sabe onde as pôr!

 

Flores.JPG
Mãe
 
Costumasse dizer , “Mãe só há uma”
Todas as mães são especiais
Somos o fruto do seu ventre
Cada uma é especial à sua maneira
Mãe é aquela que nos dá, deu e dárá sempre amor
seja ela adoptiva ou verdadeira...
Hoje que fazes anos
Mais um ano de vida para recordar
Que contes muitos e bons anos
e que eu esteja sempre por aqui para te amar!
Como se diz por aí, “Mãe só há uma”
E eu digo , a minha e mais nenhuma!
 
Marco Viana – 06.03.2007
publicado por Ir0ns às 18:04
link do post | comentar | favorito
|

.Perfil

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Desabafos de duas Almas p...

. Amor, dois corações, um s...

. Anjos

. E se de repente , tudo nã...

. O que é um poema sem títu...

. Tudo não passa de um ilus...

. Um novo recomeço!

. Quando as saudades aperta...

. Poesia e música

. ...

.arquivos

. Setembro 2009

. Fevereiro 2009

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Março 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds