Domingo, 3 de Agosto de 2008

O que é um poema sem título

Um poema sem título é um poema que deixa  as pessoas pensar num titulo que queiram, mas este poema, vendo bem, até é capaz de ter um título destacado, porque pode fazer sentido para alguns e nenhum sentido para outros!

Por isso, este poema sem título é para aqueles que gostam de titular ou rotular tudo e, talvez, diga muita coisa a muita gente!!

 

 

 

Definir um espaço de tempo
Definir horizontes
Realçar qualidades
Relativizar quantidades
Exceder nas amizades
E emergir nas igualdades!
Talvez um dia definas-te como alguém especial...
Porque esse alguém já és...
Especial para mim,
Especial para os teus,
Especial para muitos...
Um dia cairás na realidade e saberás o que me dizer...
Mesmo que pouco ou nada digas,
Mesmo que para mim ou para ti, mintas!
Mesmo que não queiras entregar-te à verdade...
Muita modéstia ou alguma vaidade
Orgulho e teimosia...
Talvez não queiras dar-te uma alegria,
E viveres um amor com alguém que te ama...
Com amor e amizade!
Um dia, não agora, mas algures
Sem medo e sem rodeio, digas...
Talvez aquilo que realmente sentes...
Garanto-te, seja o que for que saia da tua boca...
Não te arrependes,
Porque estarei cá e lá para te apoiar...
E o meu amor e amizade te dar!
 
Marco Viana 02/08/08
 

 

publicado por Ir0ns às 14:53
link do post | comentar | favorito
|

.Perfil

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Desabafos de duas Almas p...

. Amor, dois corações, um s...

. Anjos

. E se de repente , tudo nã...

. O que é um poema sem títu...

. Tudo não passa de um ilus...

. Um novo recomeço!

. Quando as saudades aperta...

. Poesia e música

. ...

.arquivos

. Setembro 2009

. Fevereiro 2009

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Março 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds