Sexta-feira, 28 de Setembro de 2007

...

É mais que certo e sabido que há muito nao escrevia aqui!! Pois bem, cá estou eu de volta...

A inspiração tem andado pela rua da amargura... ou, secalhar, não tenho é tido muita cabeça para escrever!!

Mas, como o blog serve para editar posts e escrever umas babuseiras.... então aqui fica um novo poema, esperando que gostem!!

 

 

 

 

Apenas a recordar
 
Mais que o entardecer
O olhar distante que percorre a paisagem...
Mais que o escurecer
A distância longa da viagem
 
Todo o tempo do Mundo
É algo que não tenho
Todo o tempo surdo e mudo
Ninguém sabe de onde venho!
 
Sento-me e fico a olhar
Para o vazio, com medo de lá voltar!
Fico-me, por ali, apenas a recordar
Momentos felizes, incapaz de retornar!
 
Com a viagem a terminar
Do mau tempo tive que fugir
Um dia poderei regressar
De momento... só não sei para onde ir!
Marco Viana - 28-09-2007
publicado por Ir0ns às 20:16
link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Ritinha a 13 de Outubro de 2007 às 02:47
Oi Amigo que lindo esse poema, é tão lindo como tudo que vc escreve, vc escreve com seu coração, com seus puros sentimentos...e isso não tem como ficar lindo..bjs


De luso poemas a 15 de Outubro de 2007 às 16:14
venha participar em www.luso-poemas.net
vai adorar


Comentar post

.Perfil

.pesquisar

 

.Setembro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
15
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30


.posts recentes

. Desabafos de duas Almas p...

. Amor, dois corações, um s...

. Anjos

. E se de repente , tudo nã...

. O que é um poema sem títu...

. Tudo não passa de um ilus...

. Um novo recomeço!

. Quando as saudades aperta...

. Poesia e música

. ...

.arquivos

. Setembro 2009

. Fevereiro 2009

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Março 2008

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

blogs SAPO

.subscrever feeds